Aisha Syed apresentará concerto em Brasília

Brasília – DF. 12 de setembro 2019

Como parte dos projetos culturais que a Embaixada da República Dominicana no Brasil apresenta com regularidade para promover o talento do país, a talentosa violinista dominicana, Aisha Syed estará em Brasília para uma única apresentação junto à Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro, dirigida pelo Maestro Claudio Cohen.

No dia 17 de setembro às 20 horas, no Cine Brasília, o público brasiliense terá a oportunidade de presenciar uma artista dominicana com um talento incomparável que iniciou a sua carreira muito cedo. Aisha, que estreou com apenas onze anos como solista acompanhada pela Orquestra Sinfônica Nacional Dominicana, apresentando o concerto em sol menor de Max Bruch para violino e orquestra se tornou a primeira latino-americana a ser aceita na escola de prodígios infantis Yehudi Menuhin School, em Londres, Inglaterra.

Ela se apresentou em diferentes cenários como solista em todo o mundo, da categoria do Carnegie Hall de Nova York o Palau de les Arts em Valência, e em notáveis ​​festivais como o Festival de Música de Abu Dhabi, Banstead Arts e Leamington Hastings em Londres, o Festival Internacional de Música Yehudi Menuhin em Gstaad, Suíça, o Gaida Contemporary Music Festival em Vilnius (onde foi convidada para realizar a estreia mundial do concerto de violino e orquestra pelo premiado compositor Alguirdas Martinaitits, que foi dedicado a ela, a estreia aconteceu no National Philharmonic Hall com a Orquestra de Câmara da Lituânia na Lituânia).

Entre os prêmios recebidos estão o Henry Wood Trust Award em Londres, o Latin Pride National Award em Boston, Massachusetts, seis estatuetas como artista líder no exterior na República Dominicana, cinco em prêmios Soberanos e um Casandra, entre outros prêmios. Atualmente é, juntamente com o Maestro Gustavo Dudamel, Embaixadora da LEALA, uma organização fundada para promover os valores culturais latino-americanos e a língua do espanhol nos Estados Unidos.  Foi investida pela Universidade Autônoma de Santo Domingo como Professora Honorária da Faculdade de Artes e preside a fundação “Music for Life”, que busca levar a música clássica àqueles que não podem acessá-la devido a situações sociais, econômicas e de saúde. A temporada 2019-2020 fará a estreia de Aisha na Índia convidada pela Mehli Mehta Foundation do famoso diretor Zubin Mehta, retornará ao Carnegie Hall em Nova York, terá estreia no Peru e na Bolívia e retorna ao Japão, Inglaterra, Espanha, Israel, Chile. e Argentina entre outros países.

Desta vez, a violinista originária da República Dominicana interpretará o Concerto para violino e Orquestra de J.Brahms.
Os violinos que Aisha toca são um Antonio Pelizon do século XVIII e um Antonius Stradivarius de 1690 gentilmente cedido por Florian Leonhard Fine Violins London. Aisha como cristã dedica todos os seus sucessos e concertos ao autor deles, o Senhor Jesus.

 

#concerto #DiplomaciaDigitalRD #Cultura